Você esta aqui:

Notícias

Prefeitura executa maior obra de esgotamento sanitário de Cerejeiras

25 de junho de 2014 | cerejeiras_sedam

A população de Cerejeiras está recebendo melhorias na qualidade de vida por meio de investimentos da Funasa, no tratamento de esgoto do município…

A prefeitura do município de Cerejeiras, através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 1/Funasa) estão executando uma das maiores obras de implantação de Sistema de Esgotamento Sanitário do município de Cerejeiras.

 

O município recebeu do PAC 1, recursos que estão sendo executados em duas etapas, o valor total da primeira etapa é de R$ 22.869.629,44 milhões (Processo Administrativo 2593/2012), e o valor da segunda etapa está sendo de R$ 2.974.937,52 milhões, a prefeitura entrou com o valor de R$ 109 mil de contrapartida e mais um aditivo de R$ 80 mil, para adaptação do projeto, a Empresa responsável pela execução da obra é a Construtora Mosaico Ltda, Responsável Técnico Juscelino Bellincanta – Engenheiro Civil – Visto/RO 1836/86, prazo de Execução da obra é de 12 meses, o inicio da obra foi no dia 12/09/2013.

 

Serão implantados 95% de rede um total de 120 mil metros de rede coletora e 5.700 ligações domiciliares, que devem atender a aproximadamente mais de 20.000 mil pessoas no município e melhorar a qualidade de vida da população local.

  

Para o prefeito Airton Gomes (PP), “cidades com sistema de esgotamento sanitário previnem o aparecimento de doenças decorrentes da falta de saneamento, evitam gastos com a saúde pública”. Dentro de alguns meses a população de Cerejeiras passarão a contar com um novo sistema de esgotamento sanitário de qualidade, como parte do compromisso de universalizar o acesso ao saneamento básico. A construção e ampliação do sistema de esgotamento sanitário do município integram o Programa de Recuperação Ambiental e melhoria da Qualidade de Vida da população cerejeirense, enfatizou o prefeito Airton Gomes.

 Com recursos oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC1/Funasa), com contrapartida da Prefeitura, as obras de construção do sistema de esgotamento sanitário seguem em ritmo acelerado e envolvem a construção de redes de coleta de esgoto, com ligações condominiais. AUTOR E FOTOS: WILMER G. BORGES.   A licitação, execução e fiscalização são de responsabilidade Sanesul, que também será responsável pela coleta e tratamento dos resíduos. Já a supervisão da correta aplicação dos recursos viabilizados é da Funasa. A previsão de término da obra é para o primeiro semestre deste ano.

Categorias: Notícias

Compartilhe